quarta-feira, 23 de junho de 2010

O Caso dos Exploradores de Cavernas

Livro: O Caso dos Exploradores de Cavernas
Número de páginas: 79
Autor(a): Lon L. Fuller
Editora: Leud (Livraria e Editora Universitária de Direito)
Lido em: uma tarde
Opinião Pessoal:
A história é bem instigante, trata-se de um grupo de pessoas que ficou preso em uma caverna por um deslizamento. Das quatro ou cinco pessoas presas uma levava consigo um celular e após alguns dias na caverna entraram em contato com médicos que afirmaram que devido as condições eles não sobreviveriam mais de 10 dias sem comida. Após algumas horas sem contato foi perguntado ao médico se sobreviveriam se comessem a carne de um deles, o médico a contra-gosto respondeu que sim, foi perguntado se eles deveriam tirar a sorte para saber quem morreria para servir de alimento aos demais, ninguém respondeu a pergunta. Pelos depoimentos, um deles, Whetmore, trazia consigo dados que foram usados para decidir quem morreria. Assim que os dados começaram a ser lançados, Whetmore que tinha concordado e dado a ideia desistiu e disse que não jogaria os dados e que a melhor opção seria esperar mais uma semana, os outros discordando da atitude de Whetmore o mataram e consumiram sua carne. Após saírem da caverna foram internados em estado de choque e desnutrição e indiciados pela morte de Whetmore. No livro constam depoimentos de alguns juízes do caso, do delegado responsável e de um ministro. Alguns concordam com a pena de morte para os que mataram Whetmore, outros discordam e acham que eles deveriam ser inocentados e ainda um juíz que declarou não ter competência para julgar o caso, a história é realmente fora do comum mas muito importante não só para quem pretende seguir o curso de direito como também para todas as pessoas averiguarem e se questionarem quanto aos seus princípios morais e a aplicação de leis. É o melhor livro de história verídica que eu já lí.

4 comentários:

  1. Nossa, parece ser incrivel...
    Até eu fiquei na duvida agora, inocentes ou culpados?

    Vou ter que achar esse livro para ler!

    ResponderExcluir
  2. caramba! fiquei impressionada e com vontade de ler esse livro...
    Saudade de você lá no Walter!

    Beijos na alma!
    Layla Barlavento
    culpadowalter.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu li lalala!!
    E escolhi o meu final.
    Não há desespero humano que aceite o desrespeito a outro ser humano. São culpados

    ResponderExcluir
  4. Este é um livrinho muito interessante, li há tempos!
    Pequeno, leitura rápida. O mais incrível é a forma como mudamos de idéia ao ler os depoimentos dos que julgam o caso. Eles são tão convincentes tanto pra inocentar quanto pra condenar que ficamos realmente em dúvida, mudando de idéia a cada página, até formarmos nosso convencimento.

    Bjks Bárbara! Alegria e Paz!

    ResponderExcluir

Obrigada pelos comentários =D